Informações de Contato


BELO HORIZONTE, MG

Estamos disponíveis Ligue agora.

Os parques municipais de Belo Horizonte estão reabrindo gradativamente para o público e parte da população da capital não vê a hora de respirar um ar fresco em meio ao caos que anda rolando, né?! A Prefeitura de BH, por meio da Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica, informou que as visitas estão rolando por meio de agendamento e há um limite máximo diário de pessoas em cada parque. Na portaria está sendo checado o agendamento e sendo realizada a medição da temperatura corporal de cada visitante.

Algumas áreas e espaços do Parque estarão com o uso suspenso, como quadras, pistas de skate, parquinhos e aparelhos de ginásticas. Os visitantes podem fazer caminhada recreativa, contemplar a natureza, realizar práticas esportivas individuais, como corrida, ginástica, yoga, andar de bicicleta; ler um livro, ouvir música (recomenda-se o uso de fones de ouvido), entre outras. A realização de eventos e o passeio com animais domésticos nos parques onde a atividade já era permitida ficarão suspensos por enquanto.

Devem ser adotadas medidas individuais de segurança, como uso de máscara (obrigatório durante toda a permanência no Parque), higienização frequente das mãos e a manutenção de distância de segurança das demais pessoas. Também é recomendado que, além de buscar visitar o parque mais próximo de sua casa entre os já reabertos, cada pessoa leve seu próprio lanche e água para hidratação – ou garrafinha de uso individual, uma vez que bebedouros só estarão operando no formato de reabastecimento de recipientes.

Medidas individuais de prevenção ao Covid-19:
– utilizar máscara de forma adequada durante todo o tempo em que estiver no parque;
– utilizar corretamente as lixeiras;
– respeitar as marcações de fila;
– respeitar a distância mínima de 2 metros dos demais visitantes;
– não tocar nem alimentar os animais silvestres;
– não realizar aglomeração e eventos;
– não utilizar espaços bloqueados como parquinhos infantis, quadras esportivas, equipamentos de ginástica, pistas de skate e áreas de eventos;
– não praticar esportes coletivos;
– não entrar com animais domésticos (mesmo nos parques onde era permitido antes da pandemia do Covid-19);
– não consumir bebida alcoólica;
– utilizar bebedouros apenas para encher garrafas e copos individuais;
– respeitar a capacidade dos sanitários;
– respeitar as orientações e sinalizações da administração do parque;
– higienizar as mãos com utilização de álcool em gel 70% ou água e sabão;

A Prefeitura recomenda que pessoas pertencentes ao grupo de risco (acima de 60 anos, grávidas e portadores de doenças crônicas) não frequentem os parques públicos.

PARQUES EM FUNCIONAMENTO:
Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado
Local: Rua Ministro Hermenegildo de Barros, 904, Itapoã
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
Localizado na região norte de Belo Horizonte, o Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado possui uma área de aproximadamente 311 mil metros quadrados e foi implantado em 1994.
Sua vegetação é composta por espécies do Cerrado e por uma Mata Ciliar que circunda uma lagoa de 22 mil metros quadrados, formada pelo represamento de três nascentes. O córrego do Nado é um afluente do córrego Vilarinho, que deságua no ribeirão do Onça, unindo-se ao rio das Velhas, integrante da bacia do rio São Francisco.
Agendamento em: clique aqui.

Parque Municipal Jacques Cousteau
Local: Rua Augusto José dos Santos, 366, Bairro Betânia. 
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
O Parque Municipal Jacques Cousteau ocupa uma área aproximada de 335 mil metros quadrados. Localizado na região Oeste, o espaço funcionou como depósito de lixo da cidade e, posteriormente, como horto para a produção de mudas de árvores e plantas ornamentais a serem utilizadas no paisagismo de Belo Horizonte. O local possui nascentes e cursos d’água perenes, e oferece trilha ecológica e espaços para contemplação.
Agendamento em: clique aqui.

Parque Municipal Américo Renné Giannetti
Local: Av. Afonso Pena, 1377 – Centro.
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
Inaugurado no dia 26 de setembro de 1897, antes mesmo da nova capital mineira, o Parque Municipal Américo Renné Giannetti é o patrimônio ambiental mais antigo de Belo Horizonte. Projetado no final do século XIX pela comissão construtora encarregada de planejar a nova capital de Minas Gerais, possui grande importância devido as suas riquezas biológica, arquitetônica, cultural e social, de importante tradição histórica. Com área de 182 mil metros quadrados, o parque possui flora diversificada, com árvores e plantas ornamentais.
Agendamento em: clique aqui.

Parque Real
Local: Rua Três Mil e Setenta e Quatro, 201 – Bairro Paulo VI
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
Muito verde, jardins e até um mirante. Esse é o Parque Real, localizado no bairro Paulo VI, regional nordeste, com 73 mil metros quadrados de área. Inaugurado em 22 de janeiro de 2019, o local conta, ainda, com uma importante bacia de detenção de água pluvial – totalmente cercada – que tem o objetivo de garantir a segurança dos moradores do entorno drenando a água nos períodos chuvosos. Essa bacia também presta um importante serviço ambiental, promovendo a melhoria do microclima da região e abrigando importantes espécies da fauna. 
Agendamento em: clique aqui.

Parque Nossa Senhora da Piedade
Local: Rua Rubens de Souza Pimentel, 750, Bairro Aarão Reis. 
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
O Parque Nossa Senhora da Piedade, inaugurado em junho de 2008, contou com a participação efetiva da comunidade do bairro Novo Aarão Reis para que fosse implantado. A obra fez parte do Programa de Recuperação Ambiental de Belo Horizonte, chamado Drenurbs/Nascentes. Antes de sua implementação, as nascentes do córrego que deu nome ao parque e os terrenos que o rodeavam eram utilizados como depósitos de lixo. Hoje a área de 58 mil metros quadrados é ocupada por uma vegetação diversificada e por águas reavivadas. A iniciativa trouxe uma nova dinâmica para a vida dos moradores e estimula práticas saudáveis e de lazer.
Agendamento em: clique aqui.

Parque das Mangabeiras
Local: Portaria Sul: Avenida José de Patrocínio Pontes, 580 – Mangabeiras
Horário: Quinta a Domingo, das 8h às 17h
O Parque das Mangabeiras está localizado ao pé da Serra do Curral, conserva em sua área de 2,4 milhões de m², 59 nascentes do Córrego da Serra, que integra a Bacia do Rio São Francisco. Patrimônio cultural de Belo Horizonte, foi projetado pelo paisagista Roberto Burle Marx.
Por recomendação da Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte, o acesso ao Parque das Mangabeiras requer a imunização contra a febre amarela, com vacina aplicada no mínimo 10 dias antes da visita. Pessoas que não se vacinaram, como bebês com menos de 9 meses – estes não podem ainda ser imunizados, não podem visitar o Parque.
Agendamento em: clique aqui.

Atenção: os agendamentos informados por aqui são referentes a próxima quinta-feira, dia 15 de outubro. Para agendamento em outras datas acesse: sympla.com.br e pesquise o nome do parque que deseja.








Compartilhar:

Paloma Morais

administrator