Informações de Contato


BELO HORIZONTE, MG

Estamos disponíveis Ligue agora.

Foto: Fachada Casa Fiat de Cultura _Credito_Studio Cerri

A Casa Fiat de Cultura está de portas abertas e com o horário de funcionamento ampliado para visitação às exposições. As visitas acontecerão de acordo com o número de pessoas previsto por espaço e será mantido o protocolo de acesso, garantindo a segurança do público. O funcionamento está ocorrendo: de terças a sextas-feiras, das 10h às 19h, e aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h.

Visitas mediadas

Para a exposição “Aleijadinho, arte revelada: o legado de um restauro na Casa Fiat de Cultura”, o público contará com visitas mediadas pelo Programa Educativo nos seguintes horários: de terças a sextas-feiras, das 10h30 às 11h30 e das 17h às 18h. Nos sábados, domingos e feriados, as visitas acontecem às 10h30 e 17h. Espaço sujeito à lotação.

EXPOSIÇÕES

Aleijadinho, arte revelada: o legado de um restauro na Casa Fiat de Cultura
até 23/jan | presencial e virtual
Em uma iniciativa inédita, o público tem a oportunidade de apreciar o restauro de três obras do século XVIII do mestre Aleijadinho (1738-1814). A exposição celebra a reabertura da Casa Fiat de Cultura, evidenciando a importância da salvaguarda do patrimônio cultural para a arte, a história e o conhecimento das raízes da nossa identidade. Em um processo de interação híbrida — visitação presencial e programação virtual —, o público poderá conferir o resultado do minucioso trabalho dos restauradores realizado nas obras São Joaquim e São Manuel e acompanhar a continuação do restauro de Sant’Ana Mestra. Nas redes sociais, a websérie de mesmo nome, apresenta o making of de todo o processo e aspectos da vida e obra de Aleijadinho. Este projeto inovador está em constante movimento, pois, a cada dia, é possível vislumbrar detalhes do restauro, que está sob a responsabilidade do Grupo Oficina de Restauro, com acompanhamento técnico do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, o Iphan.

Balada
até 30/jan | presencial e virtual
Vizinhos conversam, corriqueiramente, sobre balas perdidas encontradas no quintal. Os tiros descem do morro e vão parar no asfalto. Nas paredes, nas portas, nos pontos de ônibus. Os projéteis e suas marcas são encontrados em todo canto. O que antes causava temor torna-se banal. Essa é a realidade que o artista Osvaldo Carvalho vive na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro. Lá, “balada” é uma gíria para “ser baleado”, “levar um tiro”. Pensando nos múltiplos sentidos dessa palavra, foi ela a escolhida para dar nome à sua inédita exposição individual, montada na Piccola Galleria. Plantas, pichações e outdoors, entre outros elementos cotidianos, compõem 16 pinturas em acrílica. Entre o vidro e a tela, projéteis reais, colecionados por Osvaldo ao longo dos anos, completam as obras. A partir delas, são propostos questionamentos sobre a banalidade dos nossos dias e a nossa relação com o mundo. A mostra poderá ser visitada presencialmente, sem retirada de ingressos, com espaço sujeito à lotação. 

Palestra e Bate-papo virtuais

Aleijadinho: artista multifacetado I Bate-papo virtual com o curador Liszt Vianna Neto
18/jan | das 19h às 20h30 | transmissão ao vivo
Um dos mais importantes nomes do Barroco e do Rococó, Aleijadinho teve o período de maior desenvolvimento de sua arte entre os séculos 18 e 19. As obras sacras e o rico trabalho arquitetônico se tornaram referência no que se conhece como um dos primeiros processos artísticos genuinamente brasileiro. Seu legado está sendo rememorado pela Casa Fiat de Cultura em um projeto inovador, a partir das obras de Sant’Ana Mestra, pertencente à Capela de Sant’Ana, da comunidade de Chapada de Ouro Preto/MG; de São Joaquim, da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Raposos/MG; e de São Manuel, do acervo da Paróquia de Nossa Senhora do Bonsucesso, em Caeté/MG, em que o público pode acompanhar os bastidores e o passo a passo do restauro. Quer saber mais sobre a exposição? No bate-papo o curador e historiador Liszt Vianna Neto irá revelar os detalhes e a importância deste projeto que, ao revisitar a obra do Aleijadinho e revelá-la ao público, oferece uma oportunidade para que os contemporâneos possam reconstruir a memória do mestre e artista multifacetado. Inscrições gratuitas pela Sympla.

Rafael e a idade de ouro do Renascimento I Palestra virtual com Elisa Byington
26/jan | das 19h às 20h30 | transmissão ao vivo
As primeiras décadas do século XVI foram consideradas a Idade de Ouro do Renascimento, ocasião em que artistas e letrados acreditaram ter alcançado a síntese entre as formas da natureza e a perfeição da Antiguidade Clássica. Rafael de Urbino (1483-1520), o mais jovem da trindade encabeçada por Leonardo da Vinci e Michelangelo, foi considerado entre eles o mais perfeito. A polivalência do seu talento fez dele a figura dominante na cena artística sob o pontificado de Leão X Medici (1513-1521), ápice do período. Para falar sobre esse artista que foi capaz de unir a forma da estatuária clássica à naturalidade da expressão humana, Elisa Byington, brasileira e italiana, pós-doutora em História da arte, irá fazer um recorte histórico na fase madura do artista, com destaque para sua a capacidade de materializar em imagens conceitos complexos que se transformaram em modelo para as academias de arte e referência para os artistas ao longo dos séculos, até a ruptura com a tradição clássica no final do século XIX. A palestra é uma parceria com o Consulado da Itália em Belo Horizonte. Inscrições gratuitas pela Sympla.
Caderno Educativo


Ateliê Aberto – 5 anos de Experimentação
14/jan | Site
Aprender sobre arte fazendo arte. Assim nasce o Projeto do Ateliê Aberto da Casa Fiat de Cultura, que há cinco anos propõe atividades práticas para falar de arte, dando protagonismo ao participante nas escolhas e no desenvolvimento de seus trabalhos, a partir de propostas e diferentes técnicas. Dessa experiência surge o Caderno Educativo Ateliê Aberto da Casa Fiat de Cultura – 5 anos de Experimentação, apresentando um breve panorama de experiências vividas no Projeto Ateliê Aberto. Este material propõe atividades práticas, utilizando materiais simples, além de oferecer referências bibliográficas e audiovisuais para enriquecer as aulas das redes pública e privada de ensino. O caderno será disponibilizado gratuitamente para download e impressão no site da Casa Fiat de Cultura no Espaço da Professora e do Professor.

Compartilhar:

administrator